quinta-feira, 5 de agosto de 2010

CANTO CANTA(N)DO

canto o valor dos poemas
feitos para serem cantados, escrevo
ao som dum violão...

imagino as palavras
soltas na voz que as leva indo
à descoberta da Índia
mítica e antiga viagem
embarcando aventura e sonho
levo meus dedos sobre as cordas...

e é do sonho que deixo
o som do poema imaginado
feito sendo assim... (en)cantado!

[ex_acta_mente acabado
agora, para o POEMA DIA]

17 comentários:

  1. Meu caro mestre, nem ouso comentar seus poemas, apenas os leio em devaneio. Obrigado pelo comentário no Poema Dia. Grande abraço.

    ResponderEliminar
  2. Francisco!

    Já tinha tentado e não conseguia encontrar sua página.

    E me surpreendo com esse sonho-canto de poema imaginado!

    Parabéns, poeta!

    Beijos

    Mirze

    ResponderEliminar
  3. Descobrir tua escrita, de certa forma, me é como ter descoberto a o caminho para as Índias... Gostei muito de ler-te. Bem haja.

    Venho agora parabentear-te. Parabéns!

    ResponderEliminar
  4. Gostei muito do teu blog, ótimo teus poemas. Parabéns, abraços.

    ResponderEliminar
  5. Francisco
    Querido Poeta ler-te é sempre um momento de aprimoramento em poésis.
    Esatar em teu espaço é um privilégio para quem ama a Poesia e receber tua visita em meu blog uma honra de valor inestimável.
    Gracias.
    Saudações poéticas e meu carinho
    Marli Franco

    ResponderEliminar
  6. Uau... que belo...

    ^_^•


    Falha minha não seguir-te ainda também aki nesse espaço!!! Belíssimo, agora te sigo!!!

    ResponderEliminar
  7. Amigos/as,
    Grande carinho nestes comentários recebidos, obrigado!
    Interrompi este blog, como um caderno que acaba, para não ficar longe de "LINHA DO HORIZONTE" e da música que passou a dar a este blog! Ainda publiquei "NÉCTAR", "O TUDO E O NADA", "DEDICATÓRIA", fiquei-me por este "CANTO CANTA(N)DO". Agora passei para DIÁRIO DE LETRAS II, o link está aí na margem, do lado superior direito. Grande abraço!!

    ResponderEliminar
  8. Muitas Vezes Deus Tira Alguem Que
    Amamos Tanto.
    Mais Esse Mesmo Deus Traz Alguem
    Que Aprendemos Amar..
    Por Isso NÃo Devemos Chorar
    Pelo Que Nos Foi Tirado
    E Sim ..Aprender A Amar O
    QUE Nos Foi Dado ..
    Nada Que È Nosso Vai Embora Para Sempre.
    A Você Com Muito carinho um
    feliz Domingo (DIA DOS PAIS)
    Beijos No Coração.
    Evanir.Sei que hoje é dia dos pais só no brasil
    mais desde que perdi o meu visito pais no mundo inteiro
    nesse dia deixando meu abraço e carinho.Seguindo seu blog ..

    ResponderEliminar
  9. Evanir, bem vindo, atravessou o Atlântico nas coordenadas em que o leio, grande abraço!!

    ResponderEliminar
  10. muchas veces lo que cantamos es una dedicatoria al amor.

    ResponderEliminar
  11. Deseja-se uma Poética viagem e carícias compensadoras em todas as costas!... E que na volta se tenha feito História!...



    Abraço

    ResponderEliminar
  12. Lindo!
    passando e ficando,
    deixo meu abraço

    ResponderEliminar
  13. David C., A., Maria Selma,
    A vossa presença é vida, bem vinda!
    A_braços!!

    ResponderEliminar
  14. Hoje, vim conhecer e seguir este Diário de Letras. Amanhã voltarei para apreciar os demais! ________/)_♥☼♥_____./¯"""/')
    ...¯¯¯¯¯¯¯¯¯\)¯♥☼♥¯¯¯¯'\_„„„„

    Bom fds, beijo com carinho

    ResponderEliminar
  15. Saudações quem aqui posta e quem aqui visita.
    É uma mensagem “ctrl V + ctrl C”, mas a causa é nobre.
    Trata-se da divulgação de um serviço de prestação editorial independente e distribuição de e-books de poesia & afins. Para saber mais, visitem o sítio do projeto.

    CASTANHA MECÂNICA - http://castanhamecanica.wordpress.com/

    Que toda poesia seja livre!
    Fred Caju

    ResponderEliminar
  16. Saudações quem aqui posta e quem aqui visita.
    É uma mensagem “ctrl V + ctrl C”, mas a causa é nobre.
    Trata-se da divulgação de um serviço de prestação editorial independente e distribuição de e-books de poesia & afins. Para saber mais, visitem o sítio do projeto.

    CASTANHA MECÂNICA - http://castanhamecanica.wordpress.com/

    Que toda poesia seja livre!
    Fred Caju

    ResponderEliminar
  17. Muito interessante seu blog. Belos poemas.

    Obrigada pela visita e comentário.
    Bons Dias!!!

    ResponderEliminar